Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Adamantina - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Adamantina - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
24
24 NOV 2022
Adamantina está entre as 26 cidades do estado que serão premiadas na 4ª edição do Prêmio Luiza Matida
enviar para um amigo
receba notícias
Município receberá a premiação, pois atingiu os indicadores selecionados para evitar que as gestantes transmitam o HIV e/ou Sífilis aos bebês

Adamantina está entre as 26 cidades do Estado de São Paulo que serão premiadas na 4ª edição do Prêmio Luiza Matida. O município receberá a premiação, pois atingiu os indicadores selecionados para evitar que as gestantes transmitam o HIV e/ou Sífilis aos bebês.

O município atua tanto na prevenção quanto na identificação dos casos de gestantes que possuem a doença. Para isso, durante o pré-natal, as grávidas são submetidas ao teste.

Caso seja positivo, o tratamento já tem início a fim de evitar que a doença seja transmitida ao bebê, pois a criança que nasce com Sífilis deve ser acompanhada até os dois anos de idade. Devido às ações, Adamantina tem conseguido controlar o aparecimento dos casos.

Os prêmios serão entregues durante a 7ª Semana Paulista de Mobilização Contra a Sífilis e Sífilis Congênita: “Os desafios da eliminação da sífilis congênita – teste, trate e cure a sífilis adquirida" que acontecerá no dia 5 de dezembro no Centro do Convenções Ibirapuera (HSPE).

Conforme explica a secretária de saúde, Franciele Anselmo, as ações de eliminação das doenças se dão por meio de um protocolo municipal de pré-natal completo.

“O atendimento oferecido às nossas gestantes supre todas as necessidades garantindo um cuidado integral. Desta forma, é possível realizar a detecção precoce e o tratamento de gestantes que possuem as doenças, bem como de seus parceiros, minimizando os riscos da transmissão da mãe para o bebê”, afirma.

Ela ainda acrescenta que os casos recebem acompanhamento nas Unidades de Saúde, onde são tratadas com medicação específica e acompanhamento rigoroso de acordo com os protocolos do Ministério da Saúde.

Todos os casos são notificados à Vigilância Epidemiológica, que também realiza o acompanhamento dessas gestantes.

“Essa premiação reforça o comprometimento dos colaboradores da Secretaria de Saúde junto à população, assegurando a todos usuários um atendimento de excelência”, finaliza. 

Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia